ONS implementa mudanças nas regras de acesso à transmissão para impulsionar fontes renováveis

ONS

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) implementou mudanças significativas nas regras de acesso à transmissão, conforme estabelecido no Módulo 5 das Regras dos Serviços de Transmissão da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), Resolução Normativa nº 1.069/2023. Essas alterações, que entraram em vigor em 1º de março, têm como objetivo simplificar e agilizar o processo de outorga, acesso e contratação para as centrais geradoras de energia, com foco especial em fontes renováveis como eólica e fotovoltaica.

Uma das mudanças mais significativas diz respeito à introdução da Garantia do Parecer de Acesso (GPA) desde setembro de 2023. Essa medida visa aumentar o comprometimento dos agentes no processo de acesso, exigindo que apresentem uma garantia financeira para solicitar acesso à transmissão. Além disso, a Resolução Normativa eliminou a necessidade da Informação de Acesso e introduziu a inversão de fases no processo de acesso, permitindo que os agentes geradores solicitem acesso ao ONS sem necessariamente estar previamente outorgados.

O processo de acesso à transmissão agora segue um novo procedimento. Após a apresentação da GPA pelo agente gerador, que é calculada com base no montante do uso solicitado e na tarifa de uso, o ONS emite o parecer de acesso. Em seguida, o agente tem até cinco dias úteis para decidir se deseja devolver a GPA, mantê-la vigente para eventual liberação de margem de escoamento ou adicioná-la. Caso o agente não tome nenhuma dessas medidas, o processo segue com a assinatura do contrato, acionamento da GPA ou devolução compulsória.

Essas alterações representam uma modernização e simplificação do processo de acesso à transmissão, tornando-o mais ágil, eficiente e menos burocrático. Espera-se que essas medidas incentivem ainda mais o desenvolvimento de fontes de energia limpa e renovável no Brasil, contribuindo para uma matriz energética mais sustentável e para a segurança do abastecimento elétrico no país.

Veja mais Notícias

Conheça o Azume

Compartilhe esta notícia:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress