São Paulo avança com maior usina solar flutuante do país

São Paulo

Nessa quarta-feira (17/01), o Governo de São Paulo avança na geração de energia renovável com a primeira etapa de implantação da Usina Fotovoltaica Flutuante (UFF Araucária), na represa Billings, na capital. O complexo conta com 10,5 mil placas sobre a lâmina d’água e investimento inicial de R$ 30 milhões, a planta tem capacidade para produzir até 10 GWh por ano a partir da matriz solar, o equivalente ao consumo de 4 mil residências.

“O projeto é muito interessante porque a gente está aproveitando o espelho d’água para gerar energia, temos a primeira usina fotovoltaica flutuante que vai gerar energia comercialmente no Brasil. É um exemplo que veio para ficar e temos que usar esse potencial para gerar energia limpa, barata e acessível. É mais um passo na nossa política energética de sustentabilidade”
~Tarcísio de Freitas, governador de São Paulo.

A conquista representa um dos principais projetos de de desenvolvimento de energia sustentável em São Paulo, implementada sob coordenação da Secretaria de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística. A conclusão é prevista para o final de 2025, com a entrega de outros 75 MW de energia renovável e investimento de R$ 450 milhões.

A planta será a maior do país a operar comercialmente na modalidade Geração Distribuída, com 7 MW pico de potência instalada, 5 MW de potência de conexão e painéis fotovoltaicos instalados sobre flutuadores de polietileno de alta densidade. A produção da planta será abatida do consumo de energia elétrica dos clientes da usina, por meio de compensação nas contas de luz.

Em apenas 2 meses, a implementação da usina gerou cerca de 200 empregos.

“Esse é um projeto grandioso, que alavanca o setor fotovoltaico sobre lâminas d’água. Somente nessa primeira fase, foram gerados 80 empregos diretos e aproximadamente 120 empregos indiretos pelas empresas fornecedoras. A previsão para os próximos dois anos é de muito trabalho com a instalação de mais plantas. Estamos 100% engajados nesse objetivo”
~Marcio Rea, diretor-presidente da Empresa Metropolitana de Águas e Energia (Emae).

Veja mais Notícias

Conheça o Azume

Compartilhe esta notícia:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscreva-se para receber novidades e promoções

© 2023 · E4 Energias Renovaveis© – CNPJ 41.142.800/0001-24 / Azume Tecnologia LTDA - CNPJ 49.305.545/0001-03 - Todos os direitos reservados
plugins premium WordPress