Usina de Caeté se destaca com produção de energias renováveis através do bagaço da cana

energias renováveis

Desde 1989, a Caeté exporta energia e assume o pioneirismo na área da produção de energias renováveis. E dessa vez não é diferente: o diferencial da Usina Caeté reside na eficiente transformação de biomassa, aproveitando os resíduos do processamento de aproximadamente 30% da cana colhida para a produção de energia.

Essa prática não só impulsiona a geração de energia renovável, mas também torna-se essencial para a oferta de alimentos e a geração de emprego e renda na região.

Apenas entre os anos de 2022 e 2023, a usina se destacou processando 2.170.000 toneladas de cana, resultando num total de 650.000 toneladas de bagaço. Por meio da central termoelétrica CESMC, a biomassa atendeu às demandas energéticas da indústria e da irrigação com um excedente de 80.000 MWh de energia exportada.

“Estamos extremamente satisfeitos em fazer parte desse movimento positivo em Alagoas. É fundamental estarmos em sintonia com a sustentabilidade, buscando incessantemente a eficiência energética e utilizando tecnologias de ponta para alcançar resultados operacionais superiores”
~ Maurício Veras, gerente de Manutenção Elétrica da Usina Caeté.

Recentemente, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (Sedics) divulgou os resultados do Balanço Energético de Alagoas (Beal) de 2023 revelando que 87% da matriz energética são provenientes de fontes limpas e renováveis.

Veja mais Notícias

Conheça o Azume

Compartilhe esta notícia:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress