Reunião entre Brasil e Paraguai termina sem acordo sobre tarifa de energia

tarifa

Nesta segunda-feira (15/01), o atual presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva e o presidente do Paraguai, Santiago Peña, se reuniram no Palácio Itamaraty em Brasília. O objetivo do encontro seria discutir a tarifa a ser paga pelo Brasil pela energia gerada na usina binacional de Itaipu, além da análise de outros projetos de infraestrutura na América do Sul.

Em outubro, o Brasil propôs pagar US$ 16,70 por quilowatt, porém o governo paraguaio pediu US$ 20,70 por quilowatt. As divergências levaram as autoridades paraguaias a bloquearem o orçamento da usina de Itaipu, afetando diretamente o pagamento do funcionários.

Após o encontro, o mandatário brasileiro falou com a imprensa e apontou “divergências” em relação à tarifa cobrada. Ele ainda afirmou que pretende construir uma relação harmoniosa para chegar a um consenso em relação à hidrelétrica.

“Eu disse ao companheiro Peña que vamos rediscutir a questão das tarifas na Itaipu. Nós temos divergências, mas estamos dispostos a encontrar uma solução conjuntamente e, nos próximos dias, vamos voltar a fazer uma reunião” … “Eu disse ao Santiago que não é ele quem tem que vir ao Brasil. Agora é o Brasil que tem que ir à Assunção para que a gente possa continuar as tratativas para encontrar uma solução definitiva”

Do outro lado, o presidente paraguaio destacou que trabalhar com o Brasil é uma prioridade:

“Temos que olhar para o futuro, e sou muito ambicioso do que podemos atingir. A reunião de hoje foi muito importante. Transmitimos a visão do Paraguai, escutamos a posição do Brasil, que tem muito a contribuir nesse processo”

A usina hidrelétrica de Itaipu fechou o ano de 2023 com uma produção de 83,8 milhões de MWh, 20% a mais que o ano anterior (69,8 milhões de MWh), e a melhor marca dos últimos cinco anos. No período, foi responsável por aproximadamente 88% do atendimento do mercado paraguaio de eletricidade e por 10% do brasileiro.

Veja mais Notícias

Conheça o Azume

Compartilhe esta notícia:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress